Ética

Acreditamos que uma conduta com elevados padrões éticos é condição fundamental para o sucesso da empresa em particular e para a prática da Astrologia em geral.

A Astrologia é confundida com muitas outras práticas que usam elementos da astrologia e o título de astrólogo para a sua actividade. Esta situação confunde o público em geral que na sua maioria não sabe verdadeiramente no que consiste a Astrologia e a actividade de um astrólogo, criando barreiras e desconfianças relativamente à Astrologia, que muitas vezes não têm fundamento. Veja aqui o que é a Astrologia e um Astrólogo.


Para nós é fundamental dar a conhecer aos nossos clientes os princípios éticos que regem a nossa actividade, para evitar eventuais equívocos e proporcionar uma maior profundidade e aproveitamento dos nossos serviços. Comprometemo-nos a implementar as nossas actividades de forma ética e transparente, agindo de forma confortável dentro dos nossos princípios éticos e de acordo com a lei.

Os 12 principios éticos

  1. Dignificar a Astrologia e a profissão de Astrólogo através de uma prática séria e responsável.
  2. A nossa actividade em toda a sua extensão é dirigida a clientes com idade superior a 18 anos, embora existam conteúdos parciais dirigidos a pessoas com idade inferior a 18 anos.
  3. Proporcionar uma experiência construtiva aos nossos clientes, tratando todos por igual, independentemente do seu género, raça e idade, respeitando a sua individualidade, não julgando ou criticando, procurando sempre aconselhar sem imposições. Cabe sempre ao cliente tomar as suas decisões.
  4. Quando forem verificadas práticas dos nossos clientes em que a Lei ou os princípios éticos sejam violados, não nos inibiremos de manifestar claramente a nossa opinião e reservamos o direito de recusar continuar a prestar os nossos serviços.
  5. Garantir que as questões e pedidos dos clientes são atendidos desde que não violem a lei e os princípios éticos da empresa e desde que no âmbito da Astrologia.
  6. Garantir o anonimato do cliente e garantir o sigilo de todos os seus assuntos, a menos que este permita ou deseje que seja de outra forma.
  7. Questionar o cliente sobre os assuntos que deseja ver abordados em consulta e se existem alguns assuntos que não deseje que sejam mencionados.
  8. Informar o cliente antes da consulta sobre o seu preço, as formas de pagamento, duração estimada e demais pormenores que sejam relevantes para ambas as partes.
  9. Solicitar ao cliente os seus dados de nascimento e quando a hora for imprecisa, esclarecer o cliente das limitações que envolvem a análise astrológica neste caso.
  10. Garantir uma abordagem sensível, próxima e consciente aos nossos clientes, com uma comunicação verbal clara, objectiva e adaptada à sua capacidade de compreensão, usando sempre a verdade, mas com a capacidade de omitir alguns assuntos que o cliente não esteja preparado para conhecer, por razões de ordem diversa, mas que na maior parte dos casos passam pela fragilidade emocional com que alguns clientes chegam à consulta.
  11. Na actividade da empresa procuramos sempre fazer o nosso melhor, mas conscientes das nossas limitações. Procuramos cultivar a humildade e a procura contínua de conhecimento para melhor servir os nossos clientes. Temos a capacidade de assumir os nossos erros e colocar a Astrologia acima da nossa prática.
  12. Garantir que os preços de venda dos nossos serviços e produtos são justos e de acordo com o trabalho e qualidade envolvidos.

Ir para o topo